Mesa Completa - Por Solange Souza

Menu

GastronomiaRestaurantes • 27 de novembro de 2019

Pipo Restaurante

A casa informal do chef carioca Felipe Bronze, em São Paulo, se destaca pelos pratos feitos na grelha, como esta costela divina

Finalmente fui conhecer o Pipo, restaurante do chef carioca Felipe Bronze (do estrelado Oro, no Rio), inaugurado no início deste ano. O restaurante fica atrás do Museu da Imagem e do Som (MIS) e tem no fogo alto, que é o estilo do chef, o seu destaque. Ficamos perto da grelha e acompanhamos o trabalho da equipe a todo vapor. A cozinha aberta proporciona estes prazeres para quem é do ramo. Apesar de um pouco barulhento, o ambiente é bem agradável e o atendimento da equipe muito atencioso.

Pedimos de entrada o guioza de polvo, que além do molusco leva cogumelos shimeji, nirá e um molho à base de shoyu. Estava gostoso, mas o sabor do polvo se perdeu diante dos outros ingredientes. Uma pena!

Em seguida, comemos o arroz de pato, que chegou numa frigideira charmosa (aliás, adorei todos os recipientes onde foram servidos os pratos). O estilo de preparo é um pouco diferente: o arroz fica grudadinho na frigideira e são servidas fatias de peito de pato por cima, com uma folha de couve que também passa pela grelha. Uma delícia!

A ideia deste restaurante é compartilhar os pratos. Então, pedimos a costela de cozimento longo, que desfia ao toque do garfo, servida com purê de banana e uma farofinha com um ovo cremoso. Amei! Nossas escolhas foram feitas em função do vinho, um belo tinto do Rhône. Adoraria provar os pratos de peixes e frutos do mar, que me pareceram muito bons. Fica para uma próxima!

Pipo Restaurante
Av. Europa, 158
(11) 3530-1760

 


0 Comentários

Deixe o seu comentário!