Mesa Completa - Por Solange Souza

Menu

NovidadesVinhos e etc • 11 de março de 2019

Família Symington

Dominic Symington esteve recentemente no Brasil para apresentar alguns vinhos da sua família, que é maior produtora do Douro

É sempre prazeroso ouvir Dominic Symington falar de vinhos e da família, de origem escocesa, que há 14 gerações está ligada à produção no Douro. Principal viticultor da região, a Symington Family Estates possui 1.065 hectares, divididos em 27 propriedades. No ano passado, compraram uma quinta no Alentejo, como contou Dominic, e ainda neste ano devem ser lançados no Brasil os vinhos produzidos por lá.

A novidade apresentada por ele foi o Altano Reserva Branco 2016 (U$ 52.50), que acaba de chegar ao Brasil. Encorpado, com notas de mel e bom frescor, é um vinho untuoso no paladar, que tem tudo para agradar. Provamos também o Altano Branco 2017 (U$ 24.50), de  corpo mais leve, notas cítricas, boa fruta e acidez, indicado para ostras, aperitivos e peixes grelhados. Desta linha foram apresentados também o Altano Tinto 2015 (U$ 23.90) e o Altano Reserva Tinto 2013 (U$ 52.90). O primeiro, macio e mineral, enquanto o segundo é mais estruturado.

O Chryseia, criado em parceria com o francês Bruno Prats (Château Cos d’Estournel), é o ícone da vinícola. O segundo vinho deles (seguindo o estilo do segundo vinho dos chateaux de Bordeaux) é o Post-Scriptum. Provamos o Post-Scriptum 2016 (U$ 72.90), equilibrado e elegante, que pode ser tomado já, mas que deve ganhar bastante com algum tempo de guarda. Da mesma parceria, o Prazo de Roriz 2015 (U$ 44.90) é suculento, com taninos presentes e, portanto, bastante gastronômico.

Para completar, foi servido o delicioso Graham’s 10 Years Old Tawny (U$ 68.90), com notas de amêndoas e figo e bom equilíbrio entre açúcar e acidez. Ótimo para acompanhar tarte tatin, pastel de natas, torta de amêndoas, maçã assada, queijos de sabor mais suave e frutas secas. Segundo Dominic, a garrafa de fundo mais grosso foi pensada para que ao ser deixado na geladeira o vinho possa continuar fresco depois de um tempo à mesa. Para ele, a temperatura ideal de serviço desse vinho é entre 10 e 12 °C.

Estes vinhos são importados pela Mistral.


0 Comentários

Deixe o seu comentário!