Mesa Completa - Por Solange Souza

Menu

ExperiênciasVinhos e etc • 25 de fevereiro de 2016

Vinhos Verdes

Produzidos na belíssima região do Minho, em Portugal, estes vinhos são ótimos para o verão e têm presença garantida na minha taça

vinhosverdes

Visitei a região de Vinho Verde em 2009 e me apaixonei por este estilo de vinho fresco, leve e pouco alcoólico, delicioso para a beira da piscina, na praia e para acompanhar aperitivos, como os bolinhos de bacalhau e as sardinhas portuguesas, e pratos da cozinha brasileira como a moqueca. Os brancos são feitos com as uvas Arinto, Avesso, Azal, Loureiro e Trajadura, sejam varietais ou cortes. A sub-região de Monção e Melgaço são exclusivas para os Vinhos Verdes da casta Alvarinho, que gera brancos saborosos e mais minerais.

De um modo geral, são vinhos para ser consumidos jovens, com exceção de alguns Alvarinhos, que resistem bem aos anos

A denominação “Verde” está ligada ao frescor e à acidez do vinho e não à sua cor, como o nome sugere, já que são produzidos também tintos e rosés, além de espumantes. Os rosés, cada vez mais comuns, são muito gostosos e gastronômicos e os tintos, feitos normalmente com Vinhão, são muito diferentes e podem ser amados ou odiados! A seguir, algumas sugestões de Vinhos Verdes que eu adoro. Com exceção do produtor Anselmo Mendes, estive em todas as outras vinícolas.

• Quinta dos Carapeços – visitei esta vinícola e fiquei apaixonada pelo local e pelos vinhos, que podem ser encontrados Pão de Açúcar, somente no site (visitei duas lojas e infelizmente não encontrei).

• Quinta da Aveleda – uma das vinícolas mais lindas que já visitei, com arquitetura e jardins maravilhosos. Quem importa os vinhos é a Interfood, mas visite a página da TodoVino para comprar. O Casal Garcia é o mais conhecido no Brasil, mas sugiro provar o Quinta da Aveleda, um corte em que predomina a Loureiro.

• Anselmo Mendes – já participei de algumas degustações com este produtor, que sempre encanta os presentes. Seus vinhos são deliciosos, dos mais básicos aos top. Recomendo para o dia a dia o Muros Antigos Escolha, um corte de Alvarinho, Avesso e Loureiro, e o Muros Antigos Loureiro. Esses vinhos são importados pela Decanter.

• Quinta do Gomariz – esta vinícola fica entre as cidades do Douro e de Braga e produz vinhos excelentes, frescos e saborosos, tanto os brancos quanto o rosé, também importados pela Decanter.

• Quinta de Linhares – os brancos são ótimos, mas para quem nunca provou um Vinho Verde rosé aqui fica minha indicação. Delicioso e com boa acidez, vai muito bem com frutos do mar e com feijoada. Importado pela Premium.

Se você acha bacana receber dicas assim, siga Mesa Completa no blog, no facebook e no instagram! 

 

 


0 Comentários

Deixe o seu comentário!