Mesa Completa - Por Solange Souza

Menu

NovidadesVinhos e etc • 18 de abril de 2017

Vinhos do Dão

Uma das magias do vinho é a história que ele conta, como nessa linha da Casa da Passarella, que acaba de chegar ao país

CasadaPassarella

Você conhece a Jaen? É uma variedade tinta do Dão (Mencía, na Espanha) mais usada em cortes para “controlar a acidez e os taninos de outras uvas”, como contou o enólogo português Paulo Nunes em sua passagem pelo Brasil. Só que ele decidiu apostar nessa uva como varietal e o resultado é o Enxertia Jaen, um dos meus favoritos entre os seis rótulos que compõem a linha Casa da Passarella, que acaba de chegar ao Brasil.

Sempre em busca de vinhos que saiam no lugar comum, Paulo Nunes vem conquistando vários prêmios desde que assumiu o comando da vinícola em 2008, entre eles o de “Produtor do Ano”, título conferido à Casa da Passarella em 2015 pela Revista de Vinhos, de Portugal. A Casa da Passarella produz também as linhas Somontes, para o dia a dia, e Villa Oliveira, a top da vinícola. Todos eles são importados pela Premium Wines.

A seguir, os vinhos Casa da Passarella e seus rótulos que contam histórias:

ADescobertaBco

  • Casa da Passarella A Descoberta Colheita Branco 2015 – R$ 92 – Este corte de Malvasia Fina, Verdelho e Encruzado, em proporções semelhantes, foi uma grande “descoberta” para mim e para a maioria do pessoal que estava na degustação. Um vinho delicioso, fresco, mineral. O rótulo faz referência a uma caixa encontrada em uma das reformas na vinícola, que deveria conter algo (dinheiro?) mas estava vazia.

ADescobertaTinto

  • Casa da Passarella A Descoberta Colheita Tinto 2013 – R$ 92 – Aqui são usadas as uvas Touriga Nacional (predominante), Tinta Roriz, Alfrocheiro e Jaen. O resultado é um vinho fresco, saboroso e gastronômico.

AbanicoReserva

  • Casa da Passarella Abanico Reserva 2013 – R$ 149,50 – Um corte de Touriga Nacional (maioria), Alfrocheiro e Jaen, de vinhas velhas, é suculento e bastante longo na boca. “Abanico” é uma homenagem a uma viúva espanhola, que comandou a vinícola de 1980 a 1999.

EnxertiaJaen

  • Casa da Passarella Enxertia Jaen 2013 – R$ 189,75 – Esse é o Jaen que mencionei, um vinho aveludado, com acidez agradável, fácil de gostar.

OOenologo

  • Casa da Passarella O Oenólogo Vinhas Velhas 2013 – R$ 264,50 – “Um vinho feito no vinhedo, mais que os demais, combinando várias uvas nativas”, comentou o enólogo. Rico e bastante saboroso.

OFugitivo

  • Casa da Passarella O Fugitivo Vinhas Centenárias 2013 ­– R$ 391,00 – Este é um projeto feito em parceria com quatro agricultores, em que Paulo Nunes interfere o mínimo possível. Segundo ele, é um modo bem tradicional de fazer vinhos. Produzido com uvas locais de vinhas muito antigas, tem o nome Fugitivo “porque é uma busca por vinhos que saiam do lugar comum”. Só provando!

 


0 Comentários

Deixe o seu comentário!