Mesa Completa - Por Solange Souza

Menu

ExperiênciasGastronomia • 21 de novembro de 2016

Azeites latinos

Chile, Argentina e Uruguai têm produzido azeites cada vez melhores e alguns deles estão disponíveis no Brasil

azeite

Estamos muito acostumados a comprar azeites espanhóis, portugueses e italianos, mas em países bem próximos existe muita coisa boa para ser explorada. O que inspirou este post foi a matéria do Caderno Paladar, do jornal O Estado de São Paulo, da semana passada. Numa degustação às cegas, com marcas europeias bem conhecidas, o chileno Deleyda (o mais simples deles, que custa R$ 33,50 no Pão de Açúcar) ocupou o primeiro lugar. Já comprei este azeite e também o Premium (embalagem branca) algumas vezes e gosto bastante.

Da Argentina, conheço os azeites produzidos pela família Zuccardi, famosa pelos vinhos. Visitei esta vinícola, que fica em Mendoza, e estive também nas instalações da produção de azeite, que são bem bacanas. Outro país produtor é o Uruguai, fechando a teoria de que onde há bons vinhos, também pode haver bons azeites. Um dos meus uruguaios favoritos é produzido pela Bodegas Garzón.

azeitegarzon

O que eu faço normalmente é variar as marcas e os estilos de azeite, para poder experimentar coisas novas. Uso em saladas, para finalizar pratos ou até como aperitivo, com pão. A seguir, algumas sugestões desses três países:

  • Azeite de Oliva Deleyda Premium Extra VirgemCasa Flora – R$ 43
  • Zuccardi Azeite Varietal AraucoRavin (R$ 61)
  • Azeite de Oliva Extra Virgem “Colinas de Garzón” Bivarietal World Wine – R$ 48

deleydapremium500

 

 


0 Comentários

Deixe o seu comentário!